Conheça Daniel Maia, o cunhado de Felipe Camarão que comanda licitações multimilionárias na SEGOV

Conheça Daniel Maia, o cunhado de Felipe Camarão que comanda licitações multimilionárias na SEGOV.

Não é mais novidade pra ninguém que o secretário de Educação do Estado Felipe Camarão, do PT, é uma espécie de super secretário do governo Dino.

Tido também como uma eminência parda, que na teoria significa um poderoso assessor ou conselheiro que atua nos bastidores ou na qualidade não pública ou não oficial de um governo, Camarão controla hoje cerca de seis secretarias.

Entre elas estão a secretaria de Estado de governo – Segov, secretaria de Cultura, Casa Civil, Sagrima, Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos – MOB e, claro, a poderosa SEDUC.

No entanto, o que poucas pessoas devem saber é que apesar de nenhuma das pastas ser ocupada por parentes do super secretário, Felipe Camarão mantém familiares em setores estratégicos em alguma delas.

Um desses é o próprio cunhado, identificado como Daniel Maia Mendonça, que ocupado o cargo de Presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL) da secretaria de Estado de Governo, pasta responsável por grandes licitações do Estado.

Daniel Maia é casado com Bruna Camarão, irmã de Felipe Camarão.

Sob comando da CPL, o cunhado de Camarão já foi alvo de várias representações junto Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA) durante o andamento de processos licitatórios de grande vulto (REVEJA AQUI, AQUI E AQUI).

Empresas alegam que inconsistências no edital das licitações fazem com que a maioria não passem sequer pela fase de habilitação e, por isso, muitas precisam recorrer ao tribunal para conseguir ter suas propostas abertas.

A mais recente envolve o Registro de Preços para futura contratação de empresa para prestação de serviços de pavimentação de blocos de concreto intertravados em diversos municípios do Maranhão, estimado em R$ 114 milhões.

O certame foi parar no TCE por suspeita de direcionamento ao empresário José Lauro, da Enciza Engenharia (reveja).

Anteriores

CHAMEM O GAECO! ex-candidato a prefeito que apoiou Edésio Cavalcanti assina contrato de R$ 4,5 milhões em Turiaçu

Próximo

No Maranhão, eventual cancelamento do carnaval causará prejuízo bilionário aos trabalhadores do setor

  1. Gpn

    Tudo que se refere a asfalto vai pra esse lauro , sempre tudo carta marcada o cara pega tudo do governo sempre o grosso tem usinas de alfalto tem muita coisa ….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén